Fávaro é multado em R$ 390 mil por governador falar mais que o permitido pela justiça eleitoral

A Procuradoria Regional Eleitoral manifestou favorável pela aplicação de multa de R$ 390 mil para Carlos Fávaro por ter mostrado imagem e voz do atual Governador do Estado de Mato Grosso, Mauro Mendes, por tempo superior ao limite máximo permitido para a participação de apoiadores 25%.

A ação foi proposta pela assessoria jurídica da coligação Mato Grosso por Inteiro, de Nilson Leitão.

Mesmo após a decisão de que a propaganda fosse suspensa no dia 10 de outubro, a referida propaganda fora transmitida 39 vezes. 

INFORMES PUBLICITÁRIOS