Segunda-feira, 01 de Junho de 2020
ENERGISA CORONA

Mundo3 anos em 3 meses: Sovos discute o futuro das empresas no mundo pós-pandemia

Postado 4 semanas atrás Fonte: VIANEWS Hotwire
Evento online foi promovido pela EBDI e contou com a participação de CEOS de diversos segmentos do mercado

O mundo como conhecíamos até março já não existe mais, tanto para as pessoas como para as empresas. Para discutir essas mudanças, a EBDI, desenvolvedora de encontros corporativos inovadores que promovem a colaboração entre organizações de um mesmo segmento, reuniu CEOS de empresas líderes em seus mercados em uma web conference na última quarta-feira, 29. Estiveram no evento: Paulo Zirnberger de Castro, da Sovos, Laércio Albuquerque, da Cisco; Tom Gerth, do Paypal; Sergio Zimerman, do Petz; Diego Borghi, da Ducati; e a mediadora Ana de Magalhães, editora-chefe da Harvard Business Review.

 

Mesmo para as organizações que por seu business core já vinham se preparando para uma operação 100% remota, o cenário exige flexibilidade. É o que está vivenciando a Sovos, líder global em soluções para tratamento fiscal, que está com seus cerca de 1400 colaboradores, em 14 escritórios ao redor do mundo, em regime de home office.

 

Paulo Zirnberger de Castro reconhece que o fato do Brasil ser pioneiro na digitalização dos impostos possibilitou a empresa estar à frente de outros segmentos do mercado no que tange à transformação digital. “Nosso país é celeiro global em tratamento fiscal. Não é o que ocorre nos demais negócios. Existem setores mais impactados, como turismo, entretenimento, setor aéreo, indústria automotiva, etc. Felizmente, a tecnologia que investimos ao longo dos anos permitiu a continuidade do nosso trabalho de forma remota sem impactar na produtividade.”, comenta Zirnberger. 

 

A empresa desenvolveu um plano de como manter as equipes saudáveis e produtivas. Para que isso fosse possível, os funcionários da Sovos implementaram reuniões diárias através de vídeo conferências. Dessa forma, cada líder de área – do financeiro ao suporte ao cliente – consegue medir como está a reação das equipes desde que começaram a trabalhar remotamente. 

 

Essa mudança na forma de trabalho resultou na reflexão da empresa de forma positiva e também possibilitou que os funcionários se atentassem à saúde mental durante a pandemia. A Sovos criou um manual com dicas focado em minimizar o estresse emocional. Além dos ‘’cafezinhos online’’, toda sexta-feira, as equipes promovem um ‘’happy hour virtual’’ que ajuda a melhorar o humor e a integração de todos. 

 

Negócios em alta

 

Uma das estratégias da Sovos para minimizar os efeitos da crise é focar nos segmentos de mercado que são menos impactados. Como exemplo, Zirnberger citou o setor de vendas online, farmacêuticas, atacadistas, entre outros: ‘’O que tivemos que fazer foi redirecionar nossos esforços para esses segmentos que continuam demandando e crescendo.’’, explica o CEO.

 

Estima-se que a pandemia trouxe uma nova visão sobre a produtividade para todos os setores do mercado. É possível notar que 50% das empresas brasileiras pretendem ajustar sua forma de trabalho mesmo após o isolamento. Além disso, estima-se que 40% desses empresários irão investir em automatização dos processos dentro de seus escritórios. 

 

O evento trouxe como reflexão o quão fundamental é, para todos os empresários, entender o que está acontecendo e determinar qual o novo modelo, dentro de sua atuação, que irá fortalecer e solidificar a partir dessa crise. Quem conseguir se adaptar a essa nova forma de trabalho sairá fortalecido. ‘’A gente sabe que o brasileiro precisa do contato humano, a gente tenta substituir isso através dessas interações virtuais. Nossas equipes estão incluídas nessa missão tão importante’’, explica Zirnberger. ‘’A Sovos continua crescendo e investindo nos profissionais brasileiros, acreditando na criatividade e capacidade de se sair bem dessa’’, finaliza o executivo.

 

Sobre a Sovos

A Sovos é a líder global fornecedora de software que protege as empresas da carga e do risco dos impostos atuais. À medida que governos e empresas se tornam digitais, as empresas enfrentam riscos, custos e complexidade crescentes. A Sovos Intelligent Compliance Cloud combina análise regulatória de classe mundial com uma plataforma de software em nuvem segura e confiável para criar uma solução global no cálculo de impostos, faturamentos eletrônicos e relatórios fiscais. A Sovos atende 4.500 clientes, incluindo metade das empresas classificadas na Fortune 500, e integra-se a uma ampla variedade de aplicações de negócios. Sediada em Boston, possui escritórios na América do Norte, América Latina e Europa. A Sovos é de propriedade da Hg, em Londres.

Comentários

Os comentários não representam a opnião do jornal; a responsabilidade é do autor da menasgem.