Quinta-feira, 12 de Dezembro de 2019
MALAI2

PolíticaComissão de Ética entrega novos documentos ao Gaeco

Postado 1 semana atrás Fonte: KAMILA ARRUDA

A Comissão de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara Municipal de Cuiabá protocolou novos documentos no Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado (Gaeco) na manhã desta terça-feira, dia 03. 

 

Os documentos têm relação com a denúncia feita por uma servidora da Secretaria Municipal de Saúde em depoimento junto a Comissão na última semana.

 

A denúncia já foi alvo de uma notícia-crime feita ao Gaeco pelos parlamentares na semana passada. Os novos documentos foram fornecidos pelo vereador Juca do Guaraná.

 

De acordo com o vereador Toninho de Souza (PSD), presidente da Comissão, a intenção do parlamentar era anexar essa documentação no processo que está em curso contra o vereador Abílio Junior.

 

Isto porque, as denuncias foram feitas pela servidora em depoimento colhido no âmbito desta investigação. “Tínhamos protocolado um documento anterior com o depoimento de uma servidora do Hospital São Benedito, que fez uma serie de acusações envolvendo, inclusive, pessoas com prerrogativa de foro. Nesta semana chegou uma nova documentação protocolada pelo vereador Juca. Documentos e imagens do condomínio onde ele mora que fazem referência a denúncia da servidora da saúde. No entanto, como isso não faz parte da investigação em curso na Comissão de Ética, nós indeferimos anexar esse documento ao processo, e decidimos encaminhá-lo ao Ministério Público, como complemento da noticia-crime que fizemos na semana passada”, explica Toninho.

 

Além do social democrata, também integram a Comissão de Ética do Parlamento Municipal os vereadores Ricardo Saad (PSDB) e Vinicius Hungueney (PP).

 

O processo que tramita no Legislativo contra o vereador Abílio é fruto de uma representação feita pelo ex-vereador Oseas Machado. A investigação vem sendo conduzida pela Comissão de Ética que, atualmente, encontra-se na fase de oitivas.

Comentários

Os comentários não representam a opnião do jornal; a responsabilidade é do autor da menasgem.