Quinta-feira, 13 de Agosto de 2020
UNIMED MARÇO

PolíciaPai e filha depõem sobre morte de adolescente no Alphaville

Postado 4 semanas atrás Fonte: redação

Na tarde desta terça-feira(14) a  adolescente de 14 anos que deu o tiro acidental matando a amiga de também 14 anos Isabele Guimarães Ramos, na cabeça. e o pai o empresário Marcelo Martins Cestari, 46 anos prestaram depoimentos na  Delegacia de Homicídios de Proteção à Pessoa (DHPP). 

Isabele morreu atingida pelo tiro na cabeça no domingo (12), no Condomínio Alphaville, em Cuiabá.

Segundo o advogado da família, Rodrigo Pouso, a morte  foi uma fatalidade e as adolescentes não estariam brincando com a arma que estaria dentro do "case", que é uma maleta para se guardar armas, e ela estava levando para guardá-lo no quarto do pai, que é o dono da arma, quando a caixa teria caído e disparou acertando a Isabele.

O advogado disse que a família está colaborando com a polícia. O empresário havia sido preso por porte ilegal de arma e pagou fiança  de R$ 1 mil.

Rodrigo disse que o vídeo que circula nas redes sociais é verdade que ela e o pai fazem aula de tiro.

FIANÇA

A mãe de Isabele, a  empresária Patrícia Hellen Guimarães Ramos, entrou na Justiça pedindo para elevar a fiança arbitrada pela Polícia Civil contra o empresário Marcelo Martins Cestari. Ela quer que seja elevado pelo menos para  R$ 1 milhão.

Comentários

Os comentários não representam a opnião do jornal; a responsabilidade é do autor da menasgem.