Segunda-feira, 11 de Novembro de 2019
MALAI2

Mato GrossoPresidente do Crea-MT presente na entrega de prêmio nacional da Engenharia Elétrica

Postado 4 dias atrás Fonte: Cristina Cavaleiro

“É visível a proporção da Engenharia Elétrica em Mato Grosso. Atualmente essa profissão comanda o Estado, A exemplo do governador, presidente da Assembleia Legislativa e o pró-reitor da Universidade Federal de Mato Grosso são engenheiros eletricistas.  A decisão do Crea Mato Grosso em apoiar a realização desse evento do setor elétrico de grande magnitude é um caminho logico. Tudo depende da energia, apesar do país passar por um momento difícil, existe uma perspectiva de crescimento. É um momento de se discutir as necessidades de fortalecer a geração de energia com fontes renováveis, como fotovoltaica e outras. A energia movimenta o país, inclusive a produção agrícola. Vivemos em um estado da aplicação da agricultura 4.0,  que significa trabalhar com dados e informações. Para isso é preciso que a energia e a internet cheguem no campo. O circuito do sistema energético é extremamente importante, por permitir o nivelamento do conhecimento e as buscas por soluções para as demandas que estão a nossa frente, é preciso avançar. Vale ressaltar que Mato Grosso se destaca na produção de energia hídrica, em nível Brasil como um todo”, disparou o presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso (Crea-MT), João Pedro Valente, durante a entrega da 7° Edição do Prêmio O Setor Elétrico de Qualidade das Instalações Elétricas (OSE), terça-feira, 05 de novembro, em Cuiabá.

Diretor da Revista O Setor Elétrico e do Cinase, Adolfo Vaiser

A premiação faz parte da programação do Circuito Nacional do Setor Elétrico (CINASE), que está sendo realizado na capital Mato-grossense. Para o diretor da Revista O Setor Elétrico e do Cinase, Adolfo Vaiser, a proposta do Prêmio é incentivar o respeito às Normas técnicas e ao desenvolvimento de soluções cada vez mais sustentáveis e eficientes para as instalações brasileiras. A avaliação dos projetos é feita por um grupo de jurados reconhecidos no segmento, e a premiação se destina, entre outros públicos, as universidades, concessionárias de energia, hospitais, hotéis, shopping centers, grandes indústrias, empresas de engenharia, consultorias e projetos locais.

Presidente do Crea-MT, João Pedro Valente, assessor Parlamentar Eloi Pereira, reitor em exercício da UFMT , Evandro Soares da Silva e coordenador do curso de Engenharia Elétrica da UFMT, Danilo Ferreira de Souza

“A premiação é focada em projetos elétricos, decidimos regionalizar como o Circuito. A proposta é fazer em cada edição do evento, a entrega do prêmio, levando reconhecimento para o público do setor elétrico, inclusive mato-grossense. É realizado em seis categorias: instalações elétricas, comerciais em industriais, energias renováveis, projeto, a luminotécnico , pesquisa e desenvolvimento e inovação tecnológica”, disse o diretor do Cinase.

O coordenador do curso de Engenharia Elétrica da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Danilo Ferreira de Souza, destacou que essa é uma importante etapa por premiar grandes personalidades do setor através de magníficos trabalhos desenvolvidos pela Engenharia Elétrica de Mato Grosso, em nível nacional. “A    UFMT protocolou vários prêmios, concorreu e ganhou, contribuindo para a construção do evento, realizado em várias partes do Brasil”, disse Danilo.

Vencedores do prêmio:

Categoria: Instalações Elétricas Industriais e Comerciais

Projeto: Instalações Elétricas em Fábrica de Ração

Responsáveis: Regiane Aguiar Lopes de Oliveira, Gladston Pereira de Souza, Mauro Takashi Adama

Empresa: Selco Engenharia Ltda

Categoria: Energia renovável

Projeto: Biomassa como alternativa energética

Responsáveis Thiago Mengatti Francisco e Lucas Silva Costa

Empresa: Sonore Soluções em Energia e Telecomunicações

Categoria: Pesquisa e Desenvolvimento

Projeto: Utilização da Tecnologia Assíncrona na Geração Distribuída utilizando Gás metano da Suinocultura como combustível

Responsável: José Matheus Rondina

Empresa: Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT)

 

Categoria: Pesquisa e Desenvolvimento

Projeto: Utilização da Tecnologia Assíncrona na Geração Distribuída utilizando Gás metano da Suinocultura como combustível

Responsável: José Matheus Rondina

Empresa: Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT)

Categoria: Projeto Luminotécnico

Projeto: Barco Minas do Pantanal

Responsável: Michelle Costa

Empresa: Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT)

Categoria: Inovação Tecnológica

Projeto: Projeto de implementação de uma rede local óptico passiva (POL) em um condomínio empresarial

Responsáveis: Henrique Machado, LUmara Rocha Lobo e Alisson Fabiano Alves e Silva Empresa: Stelmat Teleinformática Ltda.

 

Categoria: Projeto OSE 2019

Projeto: Utilização da Tecnologia Assíncrona na Geração Distribuída utilizando Gás metano da Suinocultura como combustível

Responsável: José Matheus Rondina

Empresa: Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT)

Comentários

Os comentários não representam a opnião do jornal; a responsabilidade é do autor da menasgem.