Sexta-feira, 03 de Abril de 2020
ENERGISA CORONA

Mato GrossoTrabalho na Orla do Porto II entra na etapa de construção do muro de gabião

Postado 1 mês atrás Fonte: bruno vicente

A Prefeitura de Cuiabá segue avançando com a obra de requalificação da segunda etapa da Orla do Porto. Previsto para ser concluído no segundo semestre deste ano, o trabalho se encontra, neste momento, na etapa de construção do muro de gabião. No local, mais de 30 operários atuam diariamente na execução desta que é considerada a principal fase da obra, já que a estrutura é diretamente responsável pela estabilização do solo.

Conforme o cronograma da Secretaria de Obras Públicas, responsável pela coordenação das atividades, a previsão é de que esse serviço dure pelo menos mais 30 dias. Após a conclusão da edificação do muro, a equipe passa a operar no aterramento da área, seguindo para a construção do calçamento. A requalificação abrange o trecho, às margens do Rio Cuiabá, situado entre a Ponte Júlio Muller e o Cais do Porto.

“Essa é uma obra que, somado a recuperação e embelezamento da área, tem como grande objetivo tornar a orla do rio um local atrativo, potencializando o turismo natural. Para isso, estamos investindo um montante de aproximadamente R$ 3.7 milhões. Esse recurso é, em boa parte, oriundo do Ministério do Turismo, contando com uma contrapartida do Município”, explica o secretário de Obras Públicas, Vanderlúcio Rodrigues.  

O projeto é conhecido como Orla do Porto II e foi elaborado pelo Instituto de Planejamento e Desenvolvimento Urbano (IPDU), abrangendo a execução de uma série de atividades. A ideia é transforma o local em um novo ambiente de integração social, aproveitando-se da valorosa localização do espaço. Aliado a isso, a obra visa o fortalecimento do convívio da população com o Rio Cuiabá, considerado o maior patrimônio ambiental da cidade.

Ao longo de mais de 600 metros de extensão serão executados os trabalhos de implantação de calçadões para caminhada e contemplação, ciclovia, iluminação, arborização e adequação de acessibilidade. Além disso, o espaço contará com esculturas de personalidades regionais, área coberta por lonas tensionadas destinadas a feiras locais, espaço com aparelhos para atividades físicas ao ar livre e estacionamento.

Comentários

Os comentários não representam a opnião do jornal; a responsabilidade é do autor da menasgem.