Segunda-feira, 21 de Setembro de 2020
Unimed corona

PolíciaCaso Isabele: Investigação de policiais que deram apoio a empresário está sob sigilo

Postado 1 mês atrás Fonte: redação

Pos policias civis e um militar que deram apoio ao empresário Marcelo Cestari no dia da morte de Isabele Guimarãesvítima de  um tiro dado pela filha dele de 14 anos,  estão com investigação sob sigilo decretada pelo promotor Célio Fúrio, do Núcleo de Defesa do Patrimônio Público e da Probidade Administrativa de Cuiabá,

Eles chegaram na cena do crime antes da polícia e do SAMU de maneira extraoficial chamados pelo empresário que é amigo deles. O presidente da Federação de Tiro de Mato Grosso (FTMT), e sargento da Polícia Militar, Fernando Raphael Ferreira de Oliveira, foi à casa de Marcelo fardado e utilizando uma viatura da Polícia Militar.  O sargento teria auxiliado Marcelo a apresentar registros das armas que possui.

Ainda outros 02 policiais civis entraram na residência bem antes da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) e da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

A conduta do delegado Olímpio da Cunha, que atendeu o caso, também foi questionada, por não ter impedido a presença dos policais na residência, considerando que não faziam parte da equipe da DHPP. O delegado foi o responsável por impor fiança de R$ 1 mil a Marcelo.
 

Como há muitas dúvidas ainda sobre a morte da menina, o promotor decidiu que a conduta deles seja apurada



 

Comentários

Os comentários não representam a opnião do jornal; a responsabilidade é do autor da menasgem.